Nesta segunda-feira (23), estudantes de Pernambuco voltam a protestar contra o aumento das passagens de ônibus aprovado na última sexta-feira (20). Os novos valores começam a vigorar neste domingo (22).

A manifestação está marcada para as 8h

A manifestação está marcada para as 8h, novamente na Rua do Hospício, em frente ao Ginásio Pernambucano.

Mas, desta vez, o protesto também terá outro foco. Os organizadores do movimento pedem que os manifestantes levem flores contra “o ditador Eduardo Campos”, como eles chamam o governador na convocação para o ato. Estudantes reclamam do Governo do Estado por conta da atuação da Polícia Militar que, na última sexta, usou spray de pimenta, bombas de efeito moral e balas de borracha contra os jovens que bloquearam ruas tanto pela manhã, quanto pela tarde. Alguns manifestantes atacaram com pedras.

Um policial chegou a dizer aos estudantes, diante dos jornalistas, que havia ordens para não deixar que ninguém impedisse o trânsito.

Na semana passada o governador, que tem sido criticado nas redes sociais, acompanhou toda a movimentação à distância, pois estava cumprindo agenda nos Estados Unidos. Ele chega ao Recife neste domingo.

Fonte: Blog de Jamildo

Comentários

comentários