Em Paulista algumas famílias se arriscam morando em prédios do tipo caixão que já foram condenados pela defesa civil. A câmara de vereadores conseguiu na justiça prioridade na tramitação e no julgamento dos processos sobre os edifícios que apresentaram problemas estruturais. No município, alguns desses processos, se arrastam há mais de 15 anos sem uma decisão da justiça.

Fonte: NE2

Comentários

comentários