O Bairro da Jaguarana está localizado na região norte do Município do Paulista. Seu nome é de origem indígena e significa “onça pequena”, pois se acreditava na existência de onças na reserva Ecológica dos Lundgren, constituída pela Mata Atlântica.

Jaguarana possui como suas principais características a influência hídrica dos rios Timbó e Paratibe; o Porto Artur, localizado nas margens do rio Timbó (atualmente desativado); manguezais e uma economia de subsistência tendo, como exemplo, o viveiro dos peixes de “seu Arnaldo”. O bairro tem como principal acessibilidade a PE-22, sendo também um meio de se chegar ao local a estrada do Catolé, onde se localiza o matadouro bovino do município, que está temporariamente desativado.

Ao norte, Jaguarana limita-se com o bairro Poty; ao sul, com Maranguape II e Jaguaribe; a Leste, com Nossa Senhora do Ó, Engenho Maranguape e Maranguape II e a Oeste com o Rio Timbó e com Jaguaribe. Segundo Censo IBGE 2000, a população da área é de 2.311 habitantes.

Atrativo Histórico Cultural:
Porto Arthur (desativado).

Jaguarana
Jaguarana

Veja aqui as informações relacionadas ao bairro já publicadas no Paulista 40°.