Todo o bairro de Torres Galvão constitui-se de uma área desapropriada, que foi dividida em duas fatias e loteada para doação. Em cada fatia foi projetada, pela prefeitura, uma vila com habitações de área medindo, aproximadamente, 70m².

O local tem, em média, 10.814 habitantes (Censo IBGE 2000), está localizado na área norte do município e tem como principal acesso a PE-15. Os limites de Torres Galvão são os bairros do Centro e do Nobre (ao norte), Tabajara (ao sul), Fragoso (ao leste) e Jardim Paulista e Mirueira (ao oeste). Na região predominam os comércios formal, informal e setor de serviços.

Atrativo Histórico Cultural:
Casas do Alto do Sumaré – Conjunto de casas conjugadas, construídas no início do século XX, pela Administração das duas fábricas existentes: a Fábrica Paulista e a Fábrica Aurora, servia para a moradia de seus operários. Sofreram poucas modificações do seu aspecto original e mantêm características primitivas, que lembram os tempos áureos da economia têxtil do município.

Torres Galvão
Torres Galvão

Veja aqui as informações relacionadas ao bairro já publicadas no Paulista 40°.