Uma solenidade repleta de emoção e simbolismo marcou a vida de 100 mulheres do Paulista, na manhã desta sexta-feira (11.08). As formandas receberam certificados de conclusão referentes a curso oferecidos pela Secretaria Executiva de Política para as Mulheres, através do Programa Lugar de Mulher é na Qualificação Profissional. O evento aconteceu na Faculdade Joaquim Nabuco, Centro.

Durante as aulas, que duraram dois meses, as alunas se capacitaram para o mercado de trabalho em grupos fabris nas áreas da costura – cama, mesa e banho, lona crua e moda praia e lingerie; material de limpeza e higiene; artesanato em madeira; utensílios domésticos através da reciclagem de garrafas pet.

A capacitação também contou com palestras sobre orientação para negócios; empreendedorismo e geração de renda; desenvolvimento de equipe; contabilidade básica; qualidade do produto e plano de negócio. Após a capacitação, as alunas vão receber equipamentos e insumos para confecção dos produtos. E vão ter a oportunidade de junto à Secretaria de Finanças formalizar sua empresa.

A dona de casa Lúcia Barros, 55 anos, disse que está ansiosa para colocar em prática tudo o que aprendeu no curso. “Fiz o módulo sobre cama, mesa e banho. Achei o curso proveitoso. É uma janela que se abre em conseguir uma oportunidade de trabalho”, enfatizou.

De acordo com a secretária Executiva de Política para as Mulheres, Bianca Pinho Alves, o intuito do curso é qualificar essas mulheres valorizando e fortalecendo sua autoestima, além de torná-las independentes e preparadas para o mercado de trabalho. “Quero destacar a importância desse dia. É um sonho que está se realizando. Vocês estão dando o primeiro passo para agarrar as oportunidades que vão surgir. A partir de agora é mudar a realidade e crescer cada vez mais”, enfatizou.

O chefe de gabinete Francisco Padilha, representando o prefeito Junior Matuto, disse que o empoderamento feminino é um compromisso da gestão municipal. “ O nosso objetivo é que as mulheres do Paulista se capacitem e entrem na disputa pelo mercado de trabalho com qualificação. Isso vai garantir a independência financeira delas. O que desejo é elas busquem o espaço com autonomia e usufruam do conhecimento aprendido em sala de aula”,frisou.

“ Parabenizo a gestão municipal pela linda e inovadora iniciativa. É um olhar diferenciado que está sendo lançado para essas mulheres. Percebo que o curso não é terapia ocupacional. Aqui as mulheres estão sendo preparadas para o mercado de trabalho para se obter sucesso”, disse a secretaria da Mulher do Estado Sílvia Cordeiro.

A oferta dos cursos faz parte de uma parceria firmada entre a gestão municipal, Instituto, Diversidade, Gênero e Educação (IDGE), e Governo Federal, através da Secretaria de Políticas para as Mulheres.

Fonte: Imprensa Paulista

Comentários

comentários