De acordo com nota enviada pela administração, a partir de quarta-feira (13), agentes municipais deixam de fazer autuações e emitir multas nas PEs-01,15,18 e 22.

Fiscalizacao

A Prefeitura de Paulista, no Grande Recife, anunciou, nesta terça-feira (12), a suspensão temporária das fiscalizações de trânsito feitas por agentes do município nas rodovias estaduais que cortam a cidade. Por meio de nota, a administração pública informou que a medida entra em vigor na quarta-feira (13), nas seguintes estradas: PEs-01,15, 18 e 22.

Com a medida, os 40 agentes responsáveis pelas fiscalizações nas PEs deixam de emitir multas e de fazer autuações. Durante um período, ainda não determinado pela prefeitura, as ações de tráfego nas rodovias estaduais ficam com o Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv), da Polícia Militar.

De acordo com uma nota enviada pela Secretaria de Mobilidade e Administração das Regionais de Paulista, a suspensão das fiscalizações de tráfego vai vigorar “até que o convênio celebrado junto ao Departamento de Estradas de Rodagem (DER) seja repactuado”. Esse acordo tem validade até o fim de 2019.

“É uma medida temporária para que a prefeitura e o DER consigam resolver problemas, com o treinamento de pessoal. Teremos uma reunião com o departamento ainda nesta terça e acredito que vamos solucionar tudo o mais rápido possível”, afirmou o diretor de trânsito de Paulista, Carlos Jatobá.

Ainda segunda a nota, os agentes de trânsito do município começaram a fazer esse trabalho nas estradas, em 2013, quando o município celebrou a parceria com o DER.

A prefeitura informou, ainda, que os educadores de trânsito da cidade vão manter o trabalho de orientação nas rodovias.

Respostas
Por meio de nota, DER informou que o convênio de delegação de competência mantido com o município está vigente até dezembro de 2019.

O órgão disse que ainda não tinha sido formalmente informado sobre qualquer alteração em seu conteúdo. O DER garantiu que não haverá interrupção dos serviços de fiscalização.

A Polícia Militar informou que a decisão da prefeitura não interfere nos serviços do batalhão especializado. As equipes, segundo a PM, já atuam nas rodovias estaduais em Paulista.

Fonte: G1 PE

Comentários

comentários