Manifestação ocorreu neste sábado (28), na PE-22, em Engenho Maranguape. Bombeiros foram acionados.

Protesto por causa de falta de água provoca interdição de rodovia em Paulista

Um protesto por causa de falta de água provocou interdição da rodovia PE-22, em Paulista, no Grande Recife, neste sábado (28). De acordo com o Corpo de Bombeiros, uma equipe foi acionada para apagar o fogo que foi colocado em pneus e em entulhos.

Ainda de acordo com os bombeiros, a corporação foi acionada às 17h20. Um vídeo enviado ao WhatsApp mostra fogo em pneus e em entulhos. Nas imagens, também é possível observar a ação para debelar as chamas.

A Polícia Militar informou que equipes do 17º BPM foram acionadas para atuar no protesto. Ainda de acordo com a PM, várias pessoas interditaram a via e tocaram fogo em objetos.

Moradora de da região, a autônoma Francinete dos Santos Lopes, de 35 anos, afirmou que a comunidade de Engenho Maranguape está sem água há 15 dias. Segundo ela, foram feitas várias ligações para a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).

“A Compesa diz que o sistema que abastece o bairro está em manutenção e que a previsão de volta é segunda-feira, às 17h. Passamos o Natal sem água. Vendo lanches e não consigo trabalhar”, declarou.

O soldado do Exército Victor Silva afirmou que o protesto começou por volta das 16h e acabou cerca de uma hora e meia depois. “Os bombeiros vieram aqui e apagaram as chamas. Não teve problema nem confusão”, disse.

Resposta
Por meio de nota, a Compesa informou que está realizando manutenção e abastecimento parcial em Engenho Maranguape. Segundo a empresa, “equipes estão em campo realizando as intervenções, com previsão de conclusão amanhã (29), quando o abastecimento será retomado gradativamente”.

A Companhia disse, ainda, que entrou em contato com as lideranças da localidade para repassar informações sobre a manutenção emergencial.

Fonte: G1