Foi um jogo bom de ser assistido. Mas terminou com um misto de alegria e tristeza. A seleção brasileira voltou a jogar bonito e agradar aos torcedores mais exigentes. Essa foi a grande alegria. A tristeza veio aos poucos. Primeiro tivemos o cartão amarelo para o capitão da seleção, Thiago Silva, que por isso, ficará fora do próximo jogo contra a Alemanha. Já a maior tristeza ficou por conta da agressão sofrida pelo jogado Neymar. Ele levou uma joelhada nas costas do lateral-direito colombiano Zuñiga, aos 41 minutos do segundo tempo, e saiu de maca. Segundo informações da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), o atacante fraturou a 3ª vértebra da lombar e não jogará mais na Copa. “É uma tristeza enorme”, disse o goleiro Julio César.