A partir da chegada de sete médicos cubanos ao município, a Prefeitura de Paulista vai zerar o déficit que existia nos postos do PSF (Programa Saúde na Família). Foi o que informou nesta quinta-feira a assessoria de comunicação do prefeito Júnior Matuto (PSB).

Os médicos visitaram hoje (7) as unidades de saúde da rede municipal onde serão lotados a partir da próxima semana. Eles aproveitaram a visita para conhecer a estrutura funcional, as equipes de trabalho e a abrangência do atendimento ofertado à população.

Uma das unidades do PSF que receberá médicos cubanos é Jardim Maranguape. Para lá foi designada a médica Marlen Sanchez, que é generalista com mais de 20 anos de profissão e já trabalhou na Venezuela (cinco anos) e no Haiti (dois anos).

Pelo programa, o governo federal paga o salário do médico (R$ 10 mil) e a prefeitura dá a hospedagem e a alimentação.

Fonte: Blog de Inaldo Sampaio (FolhaPE)