Em uma breve nota, divulgada no início da noite desta sexta-feira (4), Maurício Rands explicou porque resolveu retornar à vida política vestindo a camisa do PSB do Governador Eduardo Campos. Confira:

Venho a público comunicar minha filiação ao Partido Socialista Brasileiro, uma decisão que arremata a que tomei em 2012 quando decidi me desfiliar do Partido dos Trabalhadores.

Desde então as razões daquela decisão foram consolidadas pelos crescentes sinais de que a política brasileira está entrando em novo ciclo. O processo de mudanças iniciado com a eleição do Presidente Lula reclama uma nova fase de mudanças na cultura política e administrativa do país. Penso que neste novo momento histórico o Brasil precisa preservar as conquistas dos Governos Lula e Dilma e, ao mesmo tempo, avançar em mudanças para que o nosso povo possa desfrutar de melhores serviços públicos e dos benefícios de um desenvolvimento econômico e sustentável mais acelerado.

Penso que no momento quem melhor está posicionado para viabilizar esses objetivos nacionais é o Governador Eduardo Campos. A partir de sua bem sucedida experiência administrativa em Pernambuco, ele detém melhores condições para avançar um programa que represente a concretização dos nossos sonhos de melhoria da condição de vida do nosso povo.

Mesmo tendo voltado à vida privada, sinto a responsabilidade de contribuir com esse projeto do PSB de estender ao plano nacional a bem sucedida experiência administrativa que apoiei como deputado federal e da qual tive a honra de fazer parte quando exerci o cargo de Secretário de Governo de Pernambuco. Por isto venho, como cidadão ativo, externar a minha nova opção partidária, na certeza de que filiado ao PSB vou continuar ajudando a concretizar os ideais de justiça e igualdade que sempre nortearam minha militância na vida pública e na vida privada.

Recife, 04 de outubro de 2013

Maurício Rands