“Muito suor”– Rogério Alves diz que a coleta, no Janga, vez ou outra deixa a desejar, e é feita 2ª, 4ª e 6ª. Sábado passado, esse monte de lixo estava na frente à Escola José Manoel de Queiroz. “É a Prefeitura de Paulista trabalhando”, ironizou.

Fonte: FolhaPE