Olinda, Paulista, Abreu e Lima e Igarassu, que são atendidas pelo Sistema Botafogo, serão afetadas
Olinda, Paulista, Abreu e Lima e Igarassu, que são atendidas pelo Sistema Botafogo, serão afetadas

Amanhã (04/02) começa uma paralisação programada de 48 horas do Sistema Botafogo, a partir das 8h, para que técnicos da Compesa deflagrem uma operação para executar serviços de manutenção preventiva, a fim de garantir a tranquilidade do abastecimento no Carnaval, especialmente nos focos de folia, como o Sítio Histórico de Olinda. Como as inspeções e intervenções que serão efetuadas no sistema não podem ser realizadas com as adutoras em funcionamento, será necessário suspender a distribuição de água nas cidades de Olinda, Paulista, Abreu e Lima e Igarassu. A previsão dos técnicos é que o sistema retorne à operação na quinta-feira (6), a partir das 8h, quando será iniciado o processo de regularização do abastecimento, seguindo o calendário de cada bairro atingido.

A manutenção do Sistema Botafogo terá várias frentes de trabalho. Serão mobilizados 65 profissionais para realizar os seguintes serviços programados: checagem dos circuitos elétricos das estações elevatórias (sistemas de bombas); troca de válvulas e registros ao longo dos 42 km do sistema adutor; instalação de macromedidores eletromagnéticos (equipamentos que controlam vazão e pressão) e pesquisas de vazamentos ao longo da adutora.

Segundo o superintendente de Manutenção e Produção da Compesa, Daniel Genuíno Bezerra, o conjunto de ações, além de prevenir eventuais paralisações emergenciais durante o Carnaval, irá melhorar o rendimento do sistema a partir do incremento de 100 litros de água por segundo na rede. “A manutenção preventiva sempre é a melhor solução e garante maior confiabilidade ao sistema. Ganham a Compesa e a população, que pode ser comunicada antes da suspensão do abastecimento e, assim, armazenar água para suprir suas necessidades durante o período da paralisação”, afirma.

Cerca de 900 mil pessoas serão atingidas e informações podem ser obtidas através do teleatendimento da Compesa: 0800 081 0195.

Fonte: Compesa