Em fevereiro os técnicos do Procon-Recife registraram 245 queixas contra 120 empresas. A operadora OI, com 16 queixas, lidera o ranking das empresas mais reclamadas no mês. Em segundo lugar, o supermercado Bompreço (15 queixas) e a operadora SKY na ficou na terceira posição, com o registro de 14 queixas. O ranking continua com o registro de 13 reclamações para a empresa Samsung, seguida por Eletro Shopping (12), HiperCard e Banco Itaú (11), Celpe (10) e a empresa CCE e a operadora Claro – com o registro de nove queixas cada uma.

Os clientes solicitaram a realização dos cálculos de antecipação, prestação, cancelamento contratual, cobrança abusiva, cobrança indevida, cumprimento contratual, cumprimento da obrigação, cumprimento de acordo, cumprimento de oferta, demora na entrega do produto, desbloqueio de linha, falta de peça de reposição, garantia estendida, má prestação de serviços, parcelamento de débito e troca de produto viciado (com defeito de fábrica).

Para registrar a queixa, os consumidores devem levar cópias das faturas, notas fiscais ou contrato. O Procon-Recife funciona na Rua Carlos Porto Carreiro, 156, no bairro do Derby, de segunda a sexta-feira, das 8h às 13h. O órgão trabalha na orientação e mediação dos conflitos nas relações de consumo no comércio local. A população também dispõe dos telefones 0800-281-1311 ou 3355-3282, para prestar informações ao cidadão.

Fonte: Blog da Folha