Manifestantes da comunidade Chega Mais, no Janga, protestam contra prisão injusta de deficiente físico

Um protesto fechou a PE-22 na manhã deste domingo (15), próximo à saída da Estrada de Manepá, no bairro do Janga, em Paulista, na Região Metropolitana do Recife. A movimentação teve início por volta das 9h30 e encerrou pacificamente às 11h. Moradores da comunidade Chega Mais fecharam os dois sentidos da via para se manifestarem contrariamente à injusta prisão de um deficiente mental que, segundo eles, foi enquadrado por uma lei anti-drogas. Pneus e entulhos foram queimados para interromper o trânsito.

Dois carros da Polícia Militar foram ao local para supervisionar o protesto. Os manifestantes usavam apitos, cartazes e gritavam palavras de ordem sobre a índole do tal deficiente preso, alegando que “a deficiência dele é comprovada, que ele tem carteira de livre acesso e que é uma boa pessoa”.

Fonte: JC Online