Depois de beneficiar 11 Regiões de Desenvolvimento do estado atendendo a 100 municípios, incluindo comunidades Quilombolas, Assentamentos e Tribos Indígenas, a Semana de Direitos Humanos chega a Região Metropolitana do Recife, neste sábado, 14. A primeira atividade é uma ocupação social de impacto do Governo Presente, em Muribeca, onde será apresentado o Programa de Mediação Comunitária de Conflitos que atua na prevenção à violência em 15 municípios pernambucanos, e integra o Pacto pela Vida.

As ações da Semana se estendem até o dia 23 deste mês com emissão gratuita de documentação, jornada de saúde, oficina de prevenção a violência contra o idoso, ação para a pessoa com deficiência, entre outras atividades de cidadania.

A promoção é da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos do estado, SEDSDH, através da Secretaria Executiva de Justiça e Direitos Humanos, SEJUDH. 11 cidades serão contempladas: Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes, Moreno, Cabo de Santo Agostinho, Camaragibe, Abreu e Lima, Paulista, Igarassu, Itapissuma e São Lourenço.

Em Moreno, no dia 16, haverá Mutirão de Documentos, com emissão de Carteiras de Identidade e de Trabalho, 2ª vias de Certidões de Nascimento e Casamento, além de fotos 3×4, no assentamento Laranjeira I; dia 17, será no Pitanga II, em Igarassu; e 18, no assentamento Camarço, em Jaboatão dos Guararapes.

Temas que tratam sobre A Violência contra a Pessoa Idosa e Educação em Direitos Humanos serão debatidos pela SEJUDH em escolas públicas do Recife e RMR, com estudantes do ensino médio. Destaque para a apresentação de uma Radionovela, realizada pela Gerência de Mediação de Conflitos.

Também como parte da programação, haverá, no dia 17, na Câmara Municipal de Moreno, o lançamento do Projeto “Luta, Proteção, Vida”!, do Programa Estadual de Proteção aos Defensores de Direitos Humanos, que mostra, um Vídeo Documentário e uma Exposição de Fotos sobre o trabalho dos Defensores, registrado no Assentamento Margarida Alves.

O Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência, 21 de Setembro, será lembrado, dentro da Semana de Direitos Humanos, com um encontro entre representantes da SEAD, Ministério Público, Assembléia Legislativa, entidades privadas do Setor de Educação e OAB, no dia 19.

Ainda merecem destaque na programação da Semana, a Parada da Diversidade, no domingo, 15; e a III Jornada de Saúde para Reeducandos do Sistema Aberto, em Livramento Condicional e Liberdade Vigiada , na sede da Secretaria de Ressocialização, no dia 17.

Para encerrar o evento a população poderá participar do Seminário Regional “Pernambuco pelos Direitos Humanos, no dia 23 de Setembro, no Salão Nobre da Universidade Federal Rural de Pernambuco. O momento é de apresentação de propostas para o Plano Estadual de Direitos Humanos.

Segundo o Secretário Executivo de Justiça e Direitos Humanos, Paulo Moraes, é importante que a sociedade participe das atividades da Semana, de 14 a 23 de Setembro, para reforçar a luta pelo respeito aos direitos e principalmente, a prevenção à violência.

Fonte: Governo de PE