A categoria cobra um reajuste salarial de 30% para todos os funcionários municipais
Insatisfeitos com a contraproposta de aumento de 5,62% apresentada pela Prefeitura do Paulista, os servidores do município decidiram cruzar os braços por tempo indeterminado a partir desta quarta-feira (30). Ainda hoje, eles prometem realizar um ato em frente ao prédio da Prefeitura
“A nossa campanha salarial segue firme e firme. Enfrentamos condições de trabalho precárias. Faltam estruturas físicas, recursos humanos, equipamentos, insumos básicos nas escolas da rede municipal e unidades de saúde. A população do Paulista merece mais respeito”, salientou o presidente do Sindicato dos Servidores Municipais do Paulista (Sinsempa), Genivaldo Ribeiro.
A categoria cobra um reajuste salarial de 30% para todos os servidores municipais, além do pagamento do FGTS dos celetistas, manutenção dos pagamentos dos quinquênios, licença-prêmio e da estabilidade financeira.

Fonte: Leia Já